Estrutura de prédio de Colégio em Gravataí é pauta em Comissão

A comunidade escolar em torno da Escola Estadual de Ensino Médio Tuiuti relatou, durante reunião da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia realizada na manhã desta terça-feira (25), problemas de estrutura física dos quatro prédios que abrigam a escola. Na semana passada pais, alunos e professores paralisaram as atividades com medo de um possível desabamento do prédio. A comunidade denunciou, ainda, a falta de professores, o fechamento da biblioteca, do bar e recursos para obras perdidos pelo Estado.

A Tuiuti, localizada no bairro Bonsucesso, em Gravataí é uma das maiores escolas estaduais do município, contando com mais de mil alunos estudando em três turnos. À noite a escola disponibiliza ensino técnico. A Tuiuti apresenta elevados índices de aprendizagem entre as escolas públicas gaúchas e é referência em esportes, destacando-se nos jogos estudantis (Jergs) em várias modalidades.

Conforme a diretora da Escola, Geovana Affeldt, os problemas de estrutura do prédio são conhecidos há bastante tempo. Ela contou que em novembro do ano passado o forro de uma das salas do Prédio 4 (que abriga alunos das séries iniciais em cinco salas de aulas) desabou em horário de aula. “Na véspera interditei a sala porque o forro estava abaulado”, lembrou a diretora. Desde estão as crianças recebem aulas na biblioteca, na sala multimídia e em outros locais. “Enquanto isso o restante dos alunos ficaram impossibilitados de usarem estes espaços”, explicou Geovana. Segundo ela, o temor é que aconteça o mesmo em outros locais do prédio, todos construídos há 40 anos. A diretora também informou que alguns alunos sofreram choques elétricos e houve queima de ventiladores das salas de aula.

“A necessidade de obras emergenciais na Escola Estadual de Ensino Médio Tuiuti, em Gravataí, é de fundamental importância para a educação do município. Importantíssimo que este tema tenha sido posto em pauta aqui na Assembleia Legislativa”, analisa Gaúcho da Geral (PSD), membro da Comissão.

Fonte: Agência de Notícias da Assembleia do Rio Grande do Sul